Cialis e álcool

O medicamento conhecido como Cialis é um importante recurso no tratamento de pacientes do sexo masculino que sofram com disfunção erétil ou impotência sexual. O ingrediente ativo, o Tadalafil, é um agente inibidor da enzina PDE-5, que é responsável por diminuir as ereções. Ou seja, ao consumir o Cialis, consegue-se aumentar o fluxo sanguíneo e consequentemente é possível alcançar ereções mais potentes e com maior duração.

Como a toma deste medicamento está ligado à vida noturna e sexual, o álcool está certamente presente muita vez. Mais abaixo vamos explicar se pode ou não tomar cialis tadalafila e álcool e quais os riscos ou benefícios do álcool para seu organismo quando tomando o medicamento.

Mecanismo de ação do Cialis

Ao ingerir Cialis, o organismo assimila a substância ativa como inibidora da enzima fosfodiesterase tipo 5, substância química corporal responsável pelo relaxamento do pênis. Logo, o efeito vasodilatador potencializa o fluxo sanguíneo em direção ao pênis. Dessa forma, o órgão sexual masculino adquire uma potente ereção. A ação do medicamento somente é percebida quando há estímulo sexual, não havendo ereção enquanto a pessoa não é estimulada a isso.

comprar cialis online sem receita

 

Relação entre Cialis e Álcool

Se bem o consumo de álcool para muitas pessoas possa significar o relaxamento das tensões e a possibilidade de ter mais disposição para relações sexuais, a utilização excessiva dessa substância pode desencadear efeitos traumáticos, como a perda da ereção de maneira rápida ou uma impotência momentânea. É preciso salientar que porções pequenas de álcool influenciam a vasodilatação, o que consequentemente leva ao maior fluxo sanguíneo. Estas situações ocorrem quando a pessoa não ingere quaisquer tipos de medicamentos para a disfunção erétil.

Quando o indivíduo faz uso de remédios como o Cialis, apesar de não existirem quaisquer estudos que proíbem, o consumo de álcool está contraindicado, ou não recomendado, pelo menos em grandes quantidades.

Caso exista o consumo paralelo grandes quantidades(como 5 copos de aperitivo ou 5 copos de vinho) de álcool e Cialis, irá reduzir o poder de ação da tadalafila, o ingrediente ativo da droga, reduzindo o efeito benéfico na ereção masculina. Pode haver um atraso na ação ou pode ocorrer a completa inibição do medicamento. Em alguns casos mais graves, a ingestão do álcool pode ocasionar a paralisia dos nervos, havendo uma interferência importante na comunicação dos órgãos genitais e o cérebro.

Posso então beber Cialis com álcool ou não?

Pode, mas em pequenas quantidades. Os efeitos dependem de pessoa para pessoa. Alguns homens preferem tomar com uma ou outra bebida até porque os “liberta” mais. Outros homens relatam efeitos colaterais se tomarem qualquer dose de álcool.

A recomendação pessoal do Cialis-info é que SE optar por pequenas quantidades, evite tomar 1hora antes e depois da toma do medicamento, só para garantir que já foi absorvido no organismo.

Efeitos colaterais esperados de Cialis combinado ao álcool

Os efeitos são idênticos aos decorrentes do uso do medicamento de forma isolada. Contudo, pode haver um aumento da intensidade de cada um deles. Estes são os principais efeitos colaterais do Cialis:

  • enxaqueca ou dores de cabeça;
  • vermelhidão corporal, especialmente face;
  • dores nas costas;
  • inchaço;
  • náusea;
  • azia;
  • sudorese;
  • congestão nasal;
  • diarreia.

Ocasionalmente, podem aparecer outros efeitos, como dor nos olhos, conjuntivite, visão turva, dificuldade para respirar, palpitação, zumbido no ouvido, disfunções na pressão arterial, hemorragias nasais, sangramento do pênis, arritmia. É raro o aparecimento de sensação de aperto no peito, impotência, diminuição do açúcar no sangue, hipersensibilidade, aumento da rigidez dos músculos, tremores.

Como este medicamento possui ação hipotensora, diminuindo a pressão arterial por conta da vasodilatação, e o álcool possui a mesma propriedade quando consumido de maneira limitada, os efeitos colaterais hipotensores podem ser potencializados. Esta diminuição excessiva da pressão pode ocasionar tonturas, problemas circulatórios, náuseas, alterações no ritmo cardíaco.

Interações medicamentosas de Cialis

Cialis é um medicamento que não pode ser associado a outros tratamentos de disfunção erétil. Em termos de contraindicações, é preciso esclarecer que ele não pode ser indicado para pessoas que tenham hipersensibilidade aos ingredientes da fórmula. Tampouco é recomendado que ele seja ingerido em paralelo com nitratos, especialmente nitrato orgânico. Este remédio não deve ser usado por pessoas que padeçam de doenças cardíacas nas quais a atividade sexual não é aconselhada.

O Cialis não é indicado para pessoas que tenham sofrido um infarto há menos de 90 dias, pacientes com angina instável, pacientes com insuficiência cardíaca grave, pessoas com arritmias incontroladas, homens que tenham padecido de um AVC há no mínimo seis meses, pessoas com neuropatias ópticas isquêmicas.

Cuidados especiais antes de consumir Cialis

Antes de iniciar o tratamento com este medicamento é indispensável contar com o auxílio de um médico especialista. Na consulta, a pessoa deverá contar ao profissional se padece de alguma doença crônica, também é necessário comentar acerca dos medicamentos que ingere diariamente. Estes cuidados são fundamentais para a segurança da saúde e para que a pessoa possa usufruir dos efeitos esperados.

Caso o indivíduo reconheça que padece de doenças da visão, cardiovasculares, hepáticas, estomacais, renais, é indispensável realizar uma bateria de exames e prestar atenção a todas as instruções fornecidas pelo médico, ele saberá indicar se esta é ou não a melhor alternativa para a disfunção.

Se o profissional optar pela iniciação de um tratamento com Cialis, ele prescreverá a dosagem e a forma de utilização. Normalmente é recomendado que este remédio seja ingerido minutos antes da relação sexual. O efeito do medicamento persiste por algumas horas, isso não significa que a pessoa terá uma ereção sem interrupções, mas que ela eventualmente terá ereções prolongadas enquanto continue sendo estimulada sexualmente. São raros os casos de pacientes que relatam ereção com duração estendida e dolorosa.

comprar cialis online